Usando Jesus como cabresto.

image001
Outro dia estava eu a visualizar algumas coisas na net, pois sempre estou pesquisando, isso se refere a tantas coisas que nem sempre consigo verificar tudo que vejo, mas vejo muita ilusão, medo e desculpa por não saber.

 Um dos melhores vídeos que já assisti e criou em mim uma sensação de dúvida e alegria foi um vídeo de um sujeito com uma demonstração de despojo e de alguma forma de independência intelectual, o qual me levou a questionar minha forma de viver e como tenho me posicionado em relação a tantas coisas que não me agradam, e neste discurso sobre o modo como as pessoas vivem alienadas em seus casulos e sua introspecção sobre os assuntos que geralmente levam ao embate e desejos de não terem nenhum tipo de embate e onde preferem buscar no deleite de bens materiais do que na busca altruísta da comunidade, (algo comum), mas isso é relevante para aquele que tem um anseio de buscar e revelar-se em um desvelamento do sentimento de acomodação do qual nós estamos inseridos por justamente nossas mentes estarem sem o devido “startup” a faísca da centelha que acende o fogo do desconhecido e nos leva a pensar, isso justamente por causa do ardil complô que desde a eternidade se mostra nas obscuras ruas do medo.

Tudo isso me deixou deveras alegre com o discurso do filosofo de rua, mas uma pequena busca me trouxe a lume a verdadeira barreira que separa o homem de seus verdadeiros ideais e suas pretensões em que o desejo na verdade de liberdade é se não o desejo de um novo governo, ser atrelado ao seu senhor que mais gosta e assim desde que a humanidade se conhece é assim, os revolucionários sempre foram pregadores de novos impérios e não de uma ideia totalmente “anarquista” em que cada um seja autônomo, mas isso infelizmente não é o caráter do ser humano, mas sim o de conquistar e escravizar esse sim é o perfil do homem.

Meu amigo veio ao mundo e trouxe uma mensagem ao homem que promove a sua libertação, mas infelizmente o homem gosta de um cabresto que não seja de amor, mas sim de dor e humilhação, o Apostolo Paulo fala em Gálatas capitulo 5 que “Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão.” Gálatas 5:1. Essa liberdade é dada gratuitamente ao homem para este não seja dominado tanto pelo medo quanto aos seus desejos e concupiscências, mas sendo livre em amor e liberto pelo conhecimento de sua origem e essência a qual o leva a ter o domínio sobre a criação, sei que essa definição simples e é assim que é, infelizmente na maioria das vezes não conseguimos adentrar na plenitude daquilo que o Senhor nos dá, justamente pela falta de fé e em confiar nessa essência que Jesus restaura em nós por seu sacrifício, mas tudo isso, está impregnado em nós por nossa criação o modo que crescemos e fomos educados, por isso Paulo fala em morrermos para a velha natureza, “Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso espírito, para que possais discernir qual é a vontade de Deus, o que é bom, o que lhe agrada e o que é perfeito.” Romanos 12:2. Alguns hoje em dia e como tem acontecido através das heras o homem usa de subterfúgios para dominar a massa e assim leva-los a um estado catatônico de mente e coração, que calejados por uma proposta de evangelho que sua serventia única é para controle de pessoas e não para revelar Cristo em ação que promove a ação da libertação.

Esse cabresto que estes hipócritas colocam em suas vitimas que como hipnotizadas, segue-os os cegos que os conduzem para morte e vitrificação da alma tornando-a insensível para a “água” limpar e trazer o arrependimento, assim estes dão o nome ao seu discurso de “evangelho” e de Cristo, isso sim é usar o Santo nome do Senhor em vão. Apenas usam-No como um amuleto, discursos, e como um grande cabresto para dominar e ter suas economias engordadas pelo dízimo e ofertas que estes trazem “a casa do senhor” e continuam em seus discursos em Malaquias 3. 10 como se o sacrifício de Cristo jamais tivesse acontecido e estivéssemos ainda sob a velha aliança, assim são os hipócritas que recebem seu galardão conforme seu serviço, que apesar de suas ações ainda são suportados pelo amor, longanimidade, e compaixão do Pai que leva estes até os níveis que nós seres humanos já teríamos degolados estes, mas em Sua misericórdia que se renova todas as manhãs assim Ele também me suporta, e o meu pecado também é apagado pelo seu amor, sendo assim também eu sou hipócrita, mas levado a pregar através do amor do Senhor que Jesus não seja usado apenas como um cabresto para arregimentar um exercito de dizimistas, mas um exercito que vai romper as portas do inferno e fazer com que a luz brilhe em toda a humanidade.

“Salmo de Davi. Do Senhor é a terra e tudo o que ela contém, a órbita terrestre e todos os que nela habitam,

pois ele mesmo a assentou sobre as águas do mar e sobre as águas dos rios a consolidou.

Quem será digno de subir ao monte do Senhor? Ou de permanecer no seu lugar santo?

O que tem as mãos limpas e o coração puro, cujo espírito não busca as vaidades nem perjura para enganar seu próximo.

Este terá a bênção do Senhor, e a recompensa de Deus, seu Salvador.

Tal é a geração dos que o procuram, dos que buscam a face do Deus de Jacó.

Levantai, ó portas, os vossos dintéis! Levantai-vos, ó pórticos antigos, para que entre o Rei da glória!

Quem é este Rei da glória? É o Senhor forte e poderoso, o Senhor poderoso na batalha.

Levantai, ó portas, os vossos dintéis! Levantai-vos, ó pórticos antigos, para que entre o Rei da glória!

Quem é este Rei da glória? É o Senhor dos exércitos! É ele o Rei da glória.” Salmo 24.

 À Ele glória!

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s